Ativo 3

Governo de Minas apresenta o estado na WTM inglesa

Em viagem à Europa, o vice-governador Professor Mateus e o secretário de Estado de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira, estiveram nesta segunda-feira, 6 na WTM (World Travel Market), feira realizada no centro de convenções e exposições ExCel London, em Londres, na Inglaterra. O evento reúne cerca de 3,5 mil expositores de 184 países e regiões, e mais de 35 mil participantes. Além disso, o Reino Unido é hoje, segundo a Pesquisa de Demanda Turística, de 2022, o terceiro país que mais envia turistas para o estado.

Durante a estada na capital do império britâncio, eles apresentaram iniciativas que têm ampliado a procura de turistas por destinos mineiros. O objetivo é firmar acordos de cooperação internacional com o império britânico, além de gerar oportunidades de negócios e parcerias. “Nós temos a pretensão de continuar sendo o estado que mais cresce em turismo no Brasil. Isso tem acontecido ao longo dos últimos três anos. Com isso, o turismo tem se tornado uma atividade cada vez mais relevante em Minas Gerais. Não só para aquelas cidades que já eram tradicionalmente movimentadas, e nós temos tantas, mas agora a gente está conseguindo chegar ao turismo de valor agregado, de alta gastronomia, de aventura, de experiência na atividade rural, de natureza nos nossos parques”, diz Professor Mateus.

Segundo o vice-goverandor, o turismo faz com que a economia gire mais, porque o turista deixa mais dinheiro na compra de artesanato, nas suas refeições, numa hospedagem de alto padrão. Isso está mudando Minas de patamar Gerais. “Nossa presença em feiras internacionais é para ‘vender Minas’, para encontrar novos operadores e conhecer experiências de outros países, e aqui na WTM nós temos os cinco continentes e acreditamos que nosso estado tende a se tornar o principal destino turístico do Brasil”, avaliou.

Para Leônidas, estar na WTM é importante para fazer contatos e apresentar Minas aos potenciais visitantes e investidores que poderão no médio e longo prazo realizarem importantes negócios para a economia estadual. “A Organização Mundial do Turismo nos forneceu uma pesquisa recentemente que mostra que, em dez anos, 30% dos empregos do mundo estarão no turismo. Daí o nosso esforço em promover o destino Minas Gerais para o mundo, conectando a mineiridade com o planeta”, comentou.

Mateus e Leônidas seguem na Inglaterra até esta terça-feira, quando devem retornar ao Brasil.

compartilhe